sexta-feira, 15 de abril de 2011

Uma canção para o espírito de Anne de Bretagne

SHE (Charles Aznavour) Tradução livre

Ela
Pode ser o rosto que eu não consigo esquecer
O traço de prazer ou arrependimento
Pode ser meu tesouro ou o preço que tenho a pagar
Ela
Pode ser a canção que o verão canta
Pode ser o frio que o outono traz
Pode ser uma centena de coisas diferentes
Dentro dos limites de um dia
Ela
Pode ser a bela ou a fera
Pode ser a fome ou o banquete
Pode transformar cada dia em um paraíso ou um inferno
Ela pode ser o espelho dos meus sonhos
O sorriso refletido em um riacho
Ela pode não ser o que aparenta
Dentro de sua concha
Ela
Que sempre parece tão feliz na multidão
Cujos olhos podem ser tão reservados e tão orgulhosos
A ninguém é permitido vê-los quando choram.
Ela
Pode ser o amor que não se esperava que durasse.
Que veio das sombras do passado
E lembrarei daqui para a eternidade
Ela
Pode ser a razão da minha sobrevivência
O porque de minha existência
Alguém por quem me responsabilizarei através do futuro que virá.
Eu
Vou levar seu riso e suas lágrimas
E transformá-los nas minhas lembranças
Onde ela for, terei eu que estar
Pois é ELA o sentido da minha vida.


http://www.youtube.com/watch?v=Ta_jWtW3B9g

Nenhum comentário:

Postar um comentário